Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Porquê 35?

por Tiago Sunzu, em 08.02.16

Vou tentar isolar esta situação de qualquer questão partidária, ou de sindicatos. A minha pergunta é: porquê? Será alguém capaz de me explicar porque é que, numa altura em que não há dinheiro, se deixa os funcionários do estado trabalhar menos 5 horas semanais (e menos que o restante dos contribuintes)?

Serão 40 horas demasiado? Doi-lhes as costas?

 

PS: Se a única resposta a esta pergunta é "direitos adquiridos", convém relembrar que "condições de vida", "possibilidade de criar filhos", "saúde", tudo isto também eram direitos adquiridos, até ao momento em que o dinheiro faltou. Mas, ao que parece, só os funcionários estatais é que têm mais direitos que deveres.... Obrigado Costa!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Contradições

por João Monge de Gouveia, em 07.02.16

image.jpeg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Braço de ferro

por João Monge de Gouveia, em 07.02.16

A esquerda acha que ganhou a bruxelas, mas está enganada. O governo socialista apoiado por toda a esquerda teve que ceder muito a bruxelas, e a primeiro ministro até contradisse o seu ministro das finanças. E o prometido término da austeridade, nao é verdadeiro, so vai servir os funcionários publicos que vão trabalhar ainda menos que os privados e à custa de um brutal aumento de impostos que vai sobretudo penalizar a classe média, mas que penaliza todos. Enfim, estamos a caminho de voltar a ter a troika em Portugal e desta vez não se esqueçam de quem será a culpa...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Telejornais

por João Monge de Gouveia, em 06.02.16

Por inumeros motivos ja nao me sentava à frente ta televisao há algumas semanas, e de facto fico preocupado quando vejo que os primeiros vinte minutos sao preenchidos com noticias sobre aumento de impostos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Obrigado, Costa

por João Monge de Gouveia, em 06.02.16

Quero publicamente agradecer ao Dr. Costa e a todos os socialistas por descerem os impostos na restauracao, que beneficia apenas aquele sector, e subir o imposto petrolifero que prejudica todos os portugueses. Quero agradecer ter terminado com o quociente familiar, e trocar por uma deducao que na realidade irá aumentar os impostos. Quero agradecer por ter negociado a TAP ficando com 50 por cento mas sem ter o controlo da companhia, isto é, tem metade da companhia para nada e so para mostrar que conseguiu alguma coisa. No fundo, quero agradecer a toda a esquerda por este enorme aumento de impostos que irá prejudicar a classe média que é constituida pela maioria dos Portugueses. Mais uma vez prejudicam a maioria dos portugueses para beneficiar alguns, mais uma vez faltam e alteram o prometido, mais uma vez enganaram quem eles votou. Isto nao vai correr bem, ainda por cima um governo que nao foi eleito legitimamente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Fugiu-lhe a boca para a verdade

por João Lopes Aleixo, em 29.01.16

A usurpação do poder tem destas coisas, no debate quinzenal de hoje, por duas vezes, Antonio Costa dirigiu-de a Passos Coelho como "senhor primeiro-ministro"...

Fugiu-lhe a boca para a verdade.

510041.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Orçamento - Literatura de ficção

por João Lopes Aleixo, em 28.01.16

19219147_NLVlp.jpeg

Créditos: Henricartoon

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que acontece quando a realidade nos começa a alcançar...

por João Lopes Aleixo, em 26.01.16

Fitch diz que o rascunho do Orçamento pode ser “irrealista” e ameaça descer o rating!

Mas aparentemente não temos com o que nos preocupar porque o João Galamba, a grande eminencia parda, diz que a Fitch está a comparar "alhos com bugalhos".

unnamed.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Limpinho, limpinho

por João Monge de Gouveia, em 24.01.16

Marcelo limpou todos à primeira...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Noite de eleições

por João Lopes Aleixo, em 24.01.16

A verificarem-se as projecções, não há surpresas quanto à vitória do Marcelo Rebelo de Sousa.

No entanto, o resultado de 4 candidatos merece alguma reflexão:

- Maria de Belém: obtém um resultado humilhante. A campanha foi má e a questão das subvenções não terá ajudado;

- Vitorino Silva: um resultado impressionante, à frente de Edgar Silva... Enfim, muito haveria a dizer sobre este resultado;

- Marisa Matias: grande campanha, a melhor, que se materializa num óptimo resultado. Mais um grande resultado para o BE após as legislativas de 2015;

- Edgar Silva: péssimo resultado. Estou certo que irão celebrar a vitoria, mas mais uma vez ficam atrás do bloco e o futuro não se afigura risonho. Grandes reflexões se avizinham para o comité central. 

Veremos os resultados finais.

Autoria e outros dados (tags, etc)


"Aqui importa-se tudo. Leis, ideias, filosofias, teorias, assuntos, estéticas, ciências, estilo, modas, maneiras, pilhérias, tudo vem em caixotes pelo paquete. A civilização custa-nos caríssimo, com os direitos de Alfândega: e é em segunda mão, não foi feita para nós, fica-nos curta nas mangas..."
Eça de Queiroz, in Os Maias




Comentários recentes

  • Swonkie

    Olá :) Enviamos um convite para o teu email. Caso ...

  • silva

    Como é possivel não cair! Se a corrupção que segun...

  • silva

    Como é possivel não cair! Se a corrupção que segun...

  • batidasfotograficas

    Para terem mais tempo para a família! Seria bom qu...

  • Tiago Sunzu

    Obrigado pelo seu comentário construtivo e com tan...




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D






+18314 até 8.8.11 no Blogspot

subscrever feeds