Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Tonéis de problemas

por José Meireles Graça, em 31.07.14

O senhor Presidente da Comissão Europeia declarou ontem que Portugal ia receber "uma pipa de massa".

 

Esta notícia terá enchido os lusos corações de umas boas rasas de alegria, um tanto empanada porém com o facto de, também ontem, terem sido apresentados os resultados do BES para o semestre - um prejuízo, sem precedentes, de quase quatro almudes.

 

A psique dos meus concidadãos terá afundado umas braças - ao fim de oito lustros do regime é preciso andar umas léguas para encontrar um optimista, e destes não haverá por junto mais de duas grosas, em todos os mais de 153.000 moios do país.

 

Tenhamos calma: a pipa é de vinho de inferior qualidade mas é dada; e, se a lógica não for uma batata, não restará nem um quartilho de prejuízo para apresentar no BES - é do interesse da nova administração que todas as minas, alçapões, buracos, tenham sido expostas; e as contas do BES devem ser, neste momento, mais sérias do que as de qualquer outro banco.

 

Tivesse eu recursos disponíveis e uma parte deles usava sem hesitar para comprar acções do BES, a ver se tinha direito a que com propriedade me chamassem um maldito especulador - com o que me custaram hoje os cafés da manhã já comprava três acções, e está amplamente demonstrado que quem ganha dinheiro na bolsa é isso que é. Já quem perde candidata-se a ser considerado, no mínimo, ingénuo e, no máximo, patife.

 

É que o BES, com todos os seus defeitos é (ou era), de longe, o melhor banco para as PMEs, e com elas sempre ganhou dinheiro, que agora se descobre torrou ao abrigo da ideia peregrina de que saber emprestar dinheiro às empresas habilita alguém a saber fundá-las e geri-las.

 

Deve aparecer por aí quem queira o bolo; a família ex-proprietária já não está no grupo dos mais ricos, o que deve aquecer o coração de todos os justiceiros, igualitaristas e invejosos, com perdão da redundância; e o novo patrão só tem que ser o banqueiro que Salgado era, e os Ulrich desta vida não são, sem todavia imaginar que o empreendedorismo está ao alcance de uma boa agenda telefónica, fatos às riscas e crédito. Não está, como se demonstrou.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Afinal sempre há silly season

por João Monge de Gouveia, em 31.07.14

Linha de cuecas CR7 em tribunal

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/linha-de-cuecas-cr7-em-tribunal

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bicicletas, um problema inconstitucional

por João Monge de Gouveia, em 28.07.14

Parece que a Associação dos ciclistas defende que mesmo que um acidente seja causado por um ciclista deve ser o seguro do veiculo automóvel a pagar os danos.

Ora, além de ser completamente imoral e de fugir a qualquer regra de justiça, já que se beneficiaria quem infringe as regras de trânsito e possivelmente a lei, parece que até poderia ser inconstitucional, já que um inocente ia "pagar" por uma violação de uma lei ou de uma regra que outro efectuou.

 

Assim sendo, tenho outra proposta a fazer, que todos os que andam de bicicleta na via pública sejam obrigados a fazer um seguro, para que, caso haja um acidente e sejam os culpados, tal seguro possa pagar os danos que fazem a um peão ou a outro veículo e ainda que sejam sujeitos a agravamentos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Musica da Semana

por João Monge de Gouveia, em 28.07.14

A nossa dedicatória vai para Ricardo Salgado, que não é um anjo, mas um espirito santo em queda.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

O dono disto tudo

por João Monge de Gouveia, em 24.07.14

Sobre Salgado ide ler este texto publicado no expresso sobre o anterior e o futuro "dono disto tudo."

Autoria e outros dados (tags, etc)

Negócios à Costa

por João Monge de Gouveia, em 24.07.14

O Quartel dos Bombeiros que vai ser demolido para que o hospital da Luz seja ampliado custou 1,23 milhões de euros. Este investimento foi superior ao que a Câmara vai encaixar com a sua venda.

 

E depois admiram-se que a Troika cá volte.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Negócios à la CML

por João Monge de Gouveia, em 23.07.14

Ao que parece a Autarquia Lisboeta alterou o plano pormenor prevendo expressamente o alargamento do hospital da Luz. 

Para tal alargamento é preciso deitar abaixou, ou pelo menos vender, o quartel de bombeiros que se situa paredes meias com o hospital.

 

Manuel Salgado, vereador da Câmara de Lisboa para a área do imobiliário e que foi o projectista daquela unidade Hospitalar diz que a venda em hasta pública do quartel de bombeiros é para garantir "transparência e equidade".

 

Pergunto eu, prevendo o plano pormenor, expressa e unicamente o alargamento do Hospital da Luz, para que é que alguém, sem ser o próprio Hospital vai comprar o quartel de bombeiros em Hasta Pública?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Musica da Semana

por João Monge de Gouveia, em 23.07.14

Aos problemas na Russia 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ai está o Bloco Central - A partir de 2015

por João Monge de Gouveia, em 22.07.14

António Costa e Rui Rio em clima de felicitações e entendimentos

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Belo Exemplo para os Alunos

por João Monge de Gouveia, em 22.07.14

Os professores têm um movimento chamado Boicote&Cerco

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/4



"Aqui importa-se tudo. Leis, ideias, filosofias, teorias, assuntos, estéticas, ciências, estilo, modas, maneiras, pilhérias, tudo vem em caixotes pelo paquete. A civilização custa-nos caríssimo, com os direitos de Alfândega: e é em segunda mão, não foi feita para nós, fica-nos curta nas mangas..."
Eça de Queiroz, in Os Maias




Comentários recentes

  • Swonkie

    Olá :) Enviamos um convite para o teu email. Caso ...

  • silva

    Como é possivel não cair! Se a corrupção que segun...

  • silva

    Como é possivel não cair! Se a corrupção que segun...

  • batidasfotograficas

    Para terem mais tempo para a família! Seria bom qu...

  • Tiago Sunzu

    Obrigado pelo seu comentário construtivo e com tan...




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D






+18314 até 8.8.11 no Blogspot

subscrever feeds